NOTÍCIAS

Distrito Federal 14:05, 17 out 2019 Afastamento para estudos, uma das conquistas dos professores este ano

Afastamento para estudos, uma das conquistas dos professores este ano

EAPE e Sugep inovaram com ações para melhorar a capacitação e o bem estar e qualidade de vida dos professores

Há 13 anos na rede pública de ensino do Distrito Federal, seis deles como servidor efetivo, o professor de língua estrangeira Eduardo Dias da Silva decidiu se capacitar melhor para levar novas ideias à sala de aula. Por isso, em 2017, após ser aprovado no doutorado de Literatura e Práticas Sociais na Universidade de Brasília, solicitou afastamento remunerado para participar de programa de pós-graduação stricto senso.

Desde então, Eduardo vem se dedicando exclusivamente aos estudos, sem perder sua renda mensal de professor. “Eu acredito ser essa uma oportunidade única. Temos apoio total da Secretaria de Educação para nos capacitarmos. É um benefício para nós e para nossos estudantes, que receberão nossos conhecimentos em sala de aula”, conta.

Eduardo vai concluir o doutorado este ano e pretende colocar em prática a pesquisa realizada. “Sinto-me na obrigação de levar aos meus estudantes tudo que estou aprendendo. Já estou me planejando para colocar em prática minha pesquisa ao voltar a dar aulas”. O professor de línguas, que já foi diretor do Centro Interescolar de Línguas 01 do Paranoá, se orgulha ao ver os alunos aprendendo uma segunda língua. “Acredito que estou no lugar certo. Ensinar não é uma tarefa fácil, mas é muito gratificante”.

Ações de Bem Estar e Qualidade

Quem trabalha na Secretaria de Educação tem uma série de benefícios proporcionados pela Subsecretaria de Gestão de Pessoas. O projeto SER VIR é um deles. Criado no segundo semestre de 2017, oferece aos servidores diversas atividades, como práticas esportivas, cursos e oficinas.

O objetivo do projeto é combater possíveis causas do adoecimento de educadores e demais profissionais, por meio de atividades que estimulam o bem-estar e a promoção da saúde, além de promover momentos de descontração e interação entre os participantes.

Além disso, a Sugep também promove encontros de Práticas de Mediação de Conflitos; disponibiliza para os professores o Programa de Orientação para a Aposentadoria; realiza oficinas de Educação Financeira, além do Seminário Nacional de Bem Estar e QVT, entre outras atividades.

EAPE

A Subsecretaria de Formação Continuada dos Profissionais da Educação (EAPE) foi idealizada para promover formação continuada para os professores da rede pública do DF. São inúmeras oportunidades de cursos, todos totalmente gratuitos, para que os profissionais possam se capacitar continuamente e oferecer um aprendizado com mais qualidade aos estudantes.

Veja todos os cursos abertos

Nomeações

A Secretaria vem trabalhando na recomposição dos quadros funcionais da pasta. Somente este ano, foram nomeados 254 professores para a rede pública de ensino. A rede pública de ensino conta hoje com quase 27 mil professores efetivos.

Os professores temporários são um reforço na rede para que os servidores efetivos possam usufruir de férias, abonos, afastamentos e licenças previstas em lei. Atualmente, a Secretaria de Educação conta com cerca de 10 mil professores temporários.

Rossana Gasparini, Ascom/SEEDF

Tags: DF Distrito Federal #DF