NOTÍCIAS

Jovens Embaixadores 09:39, 1 nov 2019 Aluno do Atheneu Sergipense é selecionado para intercâmbio nos Estados Unidos

Esdras Góis Esdras Góis Diretor Daniel Lemos Esdras Góis e a professora Lilian Ferreira
Foto:

Esdras Santos Góis representará Sergipe no Programa Jovens Embaixadores

A Embaixada dos Estados Unidos divulgou na tarde dessa quarta-feira, 30, os nomes dos 50 alunos de todo o Brasil selecionados para participar do intercâmbio nos Estados Unidos através do Programa Jovens Embaixadores 2020. Entre eles, o jovem Esdras Santos Góis, estudante do 3º ano do ensino médio integral do Centro de Excelência Atheneu Sergipense, representará Sergipe no intercâmbio, que acontecerá no período de 10 a 29 de janeiro de 2020.

Natural do município de Itaporanga d´Ajuda, Esdras está atualmente terminando o 3º ano e pretende fazer o Enem para o curso de Medicina. Dominando a língua inglesa com grande fluência, ele confessa que nunca frequentou cursos de idioma, tendo aprendido o inglês sozinho por meio de jogos e filmes.

"Aprendi a falar inglês sozinho. Estou imerso nessa língua desde a infância. Comecei a aprender com jogos eletrônicos e assistindo a séries e filmes. Recentemente até dei aulas de inglês. Foi tudo de maneira autodidata", explica. Saber falar o idioma norte-americano é um dos pré-requisitos para participar do Jovens Embaixadores. Outro critério utilizado para a seleção é a participação dos candidatos em projetos de voluntariado. Esdras faz parte de uma ação voltada para o meio ambiente, em que ensina outras pessoas a reciclar materiais descartáveis.

Com esta conquista, Esdras reforçou a importância da educação pública. "Quando se dá aos estudantes uma oportunidade dessas, melhora a comunidade ao redor em que ele vive, pois quando se leva esse jovem a um intercâmbio, além de formar nele valores como o protagonismo e o empreendedorismo social, traz essa cultura para os outros jovens do seu entorno", disse.

Intercâmbio

Durante o intercâmbio promovido pela Embaixada dos Estados Unidos, Esdras ficará uma semana hospedado em uma casa de família americana e duas semanas em outras cidades, participando de atividades como oficinas de liderança, projetos de empreendimentos sociais, reuniões com representantes do governo estadunidense, visitas a pontos turísticos, aulas em escolas daquele país para aprimorar o idioma, entre outras.

"Estaremos em uma imersão total na cultura norte-americana. Vamos visitar os principais pontos turísticos, participaremos de palestras sobre empreendedorismo social e protagonismo juvenil, conheceremos programas voluntários em uma comunidade e também irei ministrar palestras sobre o Brasil", afirmou.

Para a professora Célia Gil, coordenadora estadual do Programa Jovens Embaixadores e técnica da Assessoria Internacional da Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, essa é uma conquista a ser comemorada. "Nós, da Seduc, estamos muito felizes com essa vitória de Esdras, que irá conhecer mais sobre a cultura americana, aprimorar o idioma e terá a oportunidade de conviver com jovens de todo o Brasil durante o intercâmbio, socializando informações e experiências que mudarão sua forma de enxergar o mundo. Essa vitória prova a competência dos nossos estudantes. Parabenizo também os professores do Clube Inglês do Atheneu que também foram essenciais na preparação de Esdras", declarou.

A professora Lilian Ferreira de Carvalho, tutora de Esdras, mostrou-se bastante emocionada com a conquista do seu aluno. "Acompanhei ele desde o 1º ano do ensino médio e digo que, para mim, já era algo esperado. Ele é um aluno muito disciplinado, que ajuda os colegas que não sabem da matéria. É o sonho dele ir aos Estados Unidos, e desde o ano passado ele tenta. Então penso que essa viagem trará tudo de bom para ele", disse.

O diretor do Atheneu, Daniel Lemos, lembrou que o Clube de Inglês, formado por professores da unidade de ensino, tem feito um trabalho intenso de conversação com os alunos. Ele falou também que os estudantes participam de trabalhos de voluntariado, algo que está dentro dos valores que a escola quer desenvolver no estudante protagonista.

"Mais uma vez o Atheneu classifica um aluno no Programa Jovens Embaixadores. Esdras é um garoto que tem a mente aberta; quer fazer universidade nos Estados Unidos. Inclusive já estamos até preparando cartas de indicação para ele. Então creio que essa experiência abrirá caminhos para ele", afirmou Daniel.


Tags: Jovens Embaixadores Sergipe SE