17:53, 8 set 2015
Prova Brasil

Coordenadores pedagógicos debatem resultado de ações

Foto:

Coordenadores pedagógicos de Cuiabá discutem ações de melhorias para o ensino e aprendizagem com foco na Prova Brasil. A iniciativa desencadeou o II Encontro Reflexivo dos Coordenadores Pedagógicos, com o objetivo de avaliar as práticas executadas desde de julho de 2015, quando os coordenadores se reuniram pela primeira vez para tratar do assunto. O encontro aconteceu nesta sexta-feira (04.09), no Centro de Formação e Atualização de Profissionais da Educação Básica (Cefapro) de Cuiabá, com a participação de 76 coordenadores. 


No primeiro momento, em julho, o objetivo era elaborar oficinas de formação com os professores e coordenadores pedagógicos para trabalhar a qualidade do desenvolvimento da Prova Brasil. Ou seja, as decisões estavam centradas nos encaminhamentos que deveriam nortear as atividades. "Agora os coordenadores já estão apresentando resultados. É uma troca de experiências e estamos felizes com o que nos trouxeram porque houve 100% de engajamento não só dos professores de Língua Portuguesa e Matemática, mas dos docentes de todas as disciplinas e estão surgindo novas ideias", avaliou a Superintendência de Formação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Lúcia Ida Oliveira Fortes Pereira. 


Além de apresentarem o que estão executando, também debatem no encontro as dificuldades. "O evento é uma oportunidade de aprendizado para o próprio coordenador pedagógico. Ele precisa se fortalecer e saber que não está sozinho, tem suporte no desenvolvimento de suas atividades de melhorias na qualidade do ensino", completou Lúcia. 


Simulações de provas foram algumas das iniciativas, como também dedicação à leitura. Algumas escolas definiram 2h por semana para leitura, independente da disciplina que for naquele horário. Driblar a falta de interesse pela leitura, por exemplo, ainda é um desafio que precisa da habilidade dos educadores para ser vencido. 


Uma das participantes relatou que os alunos são motivados a ir para a biblioteca, escolher o livro de sua preferência e levar para casa, como quiserem. Depois, relatam aos colegas a história. "Não ficará apenas pontuado como Prova Brasil, mas ações que serão levadas adiante em situações que a escola julgar necessário", frisou Lúcia. 


Pela manhã estiveram reunidos no Cefapro 33 dos 76 participantes representando escolas estaduais da região Sul e Leste de Cuiabá. Os demais, das regiões Norte e Oeste, ficaram para o período da tarde. 

Eliana Bess
Assessoria/ Seduc-MT


Compartilhar

Outras Notícias