NOTÍCIAS

Dia D da BNCC 17:39, 15 mar 2018 Dia D da Base Nacional Comum Curricular mobiliza educadores no Rio Grande Sul

Dia D da Base Nacional Comum Curricular mobiliza educadores no Rio Grande Sul

Secretário Ronald Krummenauer realizou a abertura do Dia D da BNCC, na manhã desta quinta-feira (15)

Com o objetivo de promover uma discussão sobre a estrutura e as competências da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), envolvendo as Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) e as escolas , a Secretaria Estadual de Educação do Rio Grande do Sul (Seduc-RS), promoveu, nesta quinta-feira (15), em todo o Estado, o dia D de mobilização da BNCC. O debate, sobre o texto homologado pelo Ministério da Educação (MEC), contou com a participação de mais de 66 mil professores em 2.545 instituições de ensino do Rio Grande do Sul. As aulas retornam normalmente nesta sexta-feira (16)

Na abertura oficial do evento, ocorrida no Auditório Paulo Freire, no Centro administrativo Fernando Ferrari (Caff), o secretário Estadual de Educação, Ronald Krummenauer, afirmou que a implementação da nova Base é uma grande oportunidade para que o Brasil comece a dar um rumo diferente na qualidade de sua educação.

“O mercado de trabalho do século XXI é muito diferente do século XX. Está mais do que na hora que nós darmos um rumo diferente daquele modelo que tínhamos como referência”, explica.

A diretora do Departamento Pedagógico, Sônia Rosa, afirma que as funções cognitivas dos estudantes estão cada vez mais atreladas às funcionalidades tecnológicas. De acordo com ela, é preciso aliar o aprendizado com as novas tecnologias, que fazem parte da rotina dos jovens. “Se quisermos avançar, temos que necessariamente, compor o conhecimento aliado com estes novos elementos”, destaca.

Pelo Interior

No Interior do Estado, os debates também começaram no início da manhã. Na 2ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), de São Leopoldo, os 171 estabelecimentos fizeram seu dever de casa. Na sede da CRE, também foram realizadas reuniões.

"O diferencial do BNCC é a inserção dos aspectos regionais no currículo. Poderemos por exemplo, inserir temas que envolvam a colonização alemã, ou o mercado coureiro calçadista, enfim, o que for importante para entendermos onde estamos e quem somos”, destacou a coordenadora da CRE, Helenise Ávila Juchem.

Para o responsável pela  6ª Coordenadoria Regional de Educação, com sede em Santa Cruz do Sul, Luiz Ricardo Pinho de Moura, o destaque é para participação das 106 escolas que integram a CRE. “A participação das instituições de ensino é fundamental neste processo, porque, nesse novo documento, teremos a oportunidade de trabalhar temáticas regionais na escola, como aspectos da geografia, história e variações linguísticas”, explica.

A 4ª Coordenadoria Regional de Educação, de Caxias do Sul, também incentivou as 120 escolas dos 14 municípios de sua abrangência a participarem dos debates. Na sede da Coordenadoria, as atividades também ocorreram durante todo o dia. “Esse debate é a oportunidade que as comunidades têm para fazer alterações pertinentes ao seu cotidiano”, destacou a coordenadora Janice Moraes.

A 39ª Coordenadoria Regional de Educação, de Carazinho, realizou, na manhã desta quinta-feira (15)l, um amplo estudo sobre a BNCC  nas 61 escolas da região. Durante o dia ocorreram leituras e análise do material, bem como,  a realização de debates sobre o processo de implementação. As escolas da rede utilizaram variadas metodologias de trabalho para apresentar conhecimentos, competências e habilidades que todos os estudantes devem desenvolver na Educação Infantil e no Ensino Fundamental.

Na 24ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), de Cachoeira do Sul, as 52 escolas da região organizaram debates, palestras e sessões de estudos com os educadores, utilizando vídeos, apresentações multimídia e materiais de apoio fornecidos para organização do “Dia D”.

A 32ª  CRE, de São Luiz Gonzaga, também teve atividades realizadas nas suas 52 escolas da região, onde foram organizados debates, orientações pedagógicas e esclarecimentos sobre a nova BNCC. 

Na abrangência da 14 ª Coordenadoria Regional de Educação, da região de Santo Ângelo, além da equipe da coordenadoria, 38 escolas envolveram a participação de 1.392 professores.

Sobre a BNCC

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) foi homologada em 20 de dezembro de 2017 para a Educação Infantil e o Ensino Fundamental. A BNCC serve como referência para a construção e adaptação dos currículos de todas as redes de ensino do país. As redes e escolas seguem com autonomia para elaborar, por meio do currículo, metodologias de ensino, abordagens pedagógicas e avaliações, incluindo elementos da diversidade local e apontando como os temas e disciplinas se relacionam. A BNCC e os currículos têm, portanto, papeis complementares: a Base dá o rumo da educação, mostrando aonde se quer chegar, enquanto os currículos traçam os caminhos.


Tags: RS Dia D da BNCC RIO GRANDE DO SUL