NOTÍCIAS

exame online 11:53, 24 ago 2015 Exame online aplicado em Mato Grosso é referência para outros Estados

Foto:

O gerente de Educação deJovens e Adultos do Estado de Alagoas, Ademir da Silva Oliveira, é o primeiro a visitar Mato Grosso com o objetivo exclusivo de conhecer o sistema de exame online do Ensino de Jovens e Adultos (EJA). Implantado pela Secretaria de Educação de Mato Grosso (Seduc), em 2009, o sistema tem atraído profissionais de outros estados interessados e implementá-los em suas respectivas regiões. Além de Alagoas, o estado do Paraná também se manifestou nesse sentido. 

“Em Alagoas há uma defasagem escolar muito grande, 80% dos estudantes estão fora da faixa etária de 15 a 17 anos, que prevê o Ensino Médio. Sei de outros estados que possuem trabalho semelhante, mas Mato Grosso é referência. Por isso vim exclusivamente para conhecer o sistema, como foi elaborado, esmiuçar detalhes e vivenciar o funcionamento para levar para o nosso estado. Quem sabe Mato Grosso possa nos ceder o programa por meio de uma cooperação técnica”, disse Oliveira. 

Segundo ele, são mais de meio milhão de analfabetos, e quando se fala em analfabetos funcionais (incapacidade que uma pessoa demonstra ao não compreender textos simples) o número é ainda maior. “É preciso dar fluxo a essa realidade. Lá os exames ainda são físicos, demanda contratação de empresa para aplicação. A cada etapa são mais de 13 mil inscritos, ainda temos a questão da evasão”, pontuou. 


Em Mato Grosso, são quase 70 mil inscritos anualmente no sistema. Também há evasão, mas existem casos em que o aluno não faz o exame porque esqueceu a data agendada. No geral, os índices são satisfatórios. “Temos problemas, mas aqui é o lugar do país com mais avanço na conquista pela certificação de conhecimentos. O ciclo de formação humana, do Ensino Fundamental, também ajudou a diminuir a distorção na área da educação no estado”, afirmou o responsável do EJA da Seduc, Antônio Marcos Passos de Mattos. 

O exame acontece continuamente em 22 municípios mato-grossenses, sendo realizado com horário marcado e data agendada. Sabe-se, por meio dos formulários que são preenchidos na inscrição, que cerca de 80% dos que procuram exame online não estão estudando e que as maiores dificuldades são conciliar trabalho e escola. 

“A modalidade EJA é estruturada em três formas de ofertas: área de conhecimento, carga horária etapa (disciplina) e o exame online”, explicou Antônio Marcos. O secretário de Alagoas teve a oportunidade de acompanhar a elaboração e homologação do processo.


Eliana Bess
Assessoria Seduc/MT

Tags: Mato Grosso MT seducmt exame online