12:49, 18 set 2015
Formação Continuada

Formação continuada é debatida no encontro estadual em MT

Foto:

​O modelo que deve nortear a educação em Mato Grosso tem foco na melhoria da qualidade de ensino. Com esse parâmetro, 250 profissionais que atuam nos 15 Centros de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica (Cefapros) do Estado estão reunidos em Cuiabá no Encontro Formativo para os Profissionais dos Cefapros - Implementação da Formação Continuada. O evento foi aberto na quarta-feira (16.09) e segue até sexta-feira (18.09). 


Segundo o coordenador de Formação e Avaliação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Edinaldo Gomes de Sousa, está sendo apresentando aos participantes modelo e objetivo propostos pelo governador Pedro Taques para a educação. "E começa em fortalecer ações de formação para os professores atuarem em sala de aula. Ações que envolvem didática, metodologias, como inserir as diversidades e o uso das tecnologias em todas as disciplinas para melhorar a proficiência dos nossos alunos". 


A exigência dos resultados será consequência do trabalho e repercutirá nas avaliações futuras, afirmou Sousa. "Não podemos esperar de imediato, mas no decorrer do tempo. Estamos plantando para atingir os objetivos". 


Para Maria Eugênia Batista da Silva Neta, professora formadora do Cefapro de Barra do Garças, o encontro tem um papel importante no sentido de discutir a ansiedade, as necessidades e os projetos de trabalho. "É um desafio continuado em função do órgão escola. Espero que saiamos daqui cheios de ideias e de respostas para o nosso trabalho que é lá na ponta, o aluno". 


Antônio Marcos Alves da Costa, coordenador de Formação do Cefapro de Juína, disse que a expectativa é que o trabalho fortaleça as áreas, as modalidades, para que possam voltar com mais força. "Com foco numa educação ativa, saindo dos nossos vidros e desenvolvendo uma educação pública com qualidade, que é a proposta". 


De acordo com a superintendente de Educação Básica da Seduc, Márcia Cristina Faria de Carvalho, a educação passa por um momento delicado, onde as ações estão acontecendo com "o avião em movimento". "Estão reunidos diferentes saberes, diferentes conhecimentos, portanto, é uma grande oportunidade para discussões. Que vocês se falem e se planejam porque ninguém pensa isolado, sozinho", disse ela, ao lembrar que o foco é o aluno, uma vez que é ele quem precisa de toda equipe escolar. 


O Encontro Formativo para os Profissionais do Cefapro começou no dia 14 deste mês, sendo dividido em duas etapas. Os primeiros dois dias foram direcionados para os novos gestores, diretores e secretários, que passaram na seletiva do ano passado. Eles receberam as demandas para acompanharem aqueles que estão há mais tempo. Na segunda etapa, com os assuntos nivelados, portanto, com todos integrados. 

Programação


A programação conta com diversos assuntos envolvendo secretários, diretores e coordenadores de formação e ainda específicos para coordenadores de formação (Cefapros). Entre os temas abordados estão: "Formação Continuada – dimensões do desenvolvimento pessoal, profissional e institucional"; "Grupo de trabalho por área de conhecimento, modalidade e segmentos nos Cefapros"; "Área de conhecimento na perspectiva do trabalho coletivo"; "Política de Formação Continuada dentro da política do Estado"; "Proposta para o Seminário Sala do Educador"; "Organizar propostas mediante a socialização das práticas e das áreas de conhecimento/ modalidades na perspectiva do trabalho coletivo". 


Para os candidatos e diretores escolares também haverá apresentação dos módulos: passagens e eventos, orientações sobre prestação de contas dos recursos financeiros e finalização do projeto Ciclos de Estudos.


ELIANA BESS
Assessoria Seduc/MT


Compartilhar

Outras Notícias