NOTÍCIAS

IDEB 10:13, 18 set 2020 Maranhão registra maior proficiência em Língua Portuguesa e Matemática, apontam dados do MEC

Maranhão registra maior proficiência em Língua Portuguesa e Matemática, apontam dados do MEC


O Maranhão alcançou, em 2019, a maior proficiência em Língua Portuguesa e Matemática da série histórica no Ensino Médio, desde a criação do Índice do Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), em 2005. É o que apontam os dados divulgados na última terça-feira (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), em Brasília (DF).

De acordo com o INEP, nos últimos seis anos, o nível de competência dos estudantes do Ensino Médio da rede estadual, em Língua Portuguesa, saiu de 234,22 pontos, em 2013, para 253,29, em 2019. Um crescimento de 19,07 pontos. Já a proficiência em Matemática saiu de 237,16, em 2013, para 246,56.

O Maranhão também vem melhorando, gradativamente, os seus índices de fluxo escolar. Em 2019, o estado alcançou a menor taxa de abandono da série histórica registrada nos últimos dez anos no Ensino Médio: 4,8%. Para se ter uma ideia, em 2010 essa taxa era de 15,8%, o pior índice dos últimos 10 anos.

Na taxa de aprovação, o Maranhão deu um salto bastante significativo, de 75,8% em 2013 para 90,5%, em 2019. Com isso, passou a ocupar a 3ª posição entre os estados que mais cresceram no país, nesse indicador, com 14,70% de crescimento no período. Vale destacar que, só na gestão do governador Flávio Dino, foram 13,1 pontos percentuais de crescimento dessa taxa, que é a maior de aprovação da série histórica em dez anos, atingindo, assim, a meta estabelecida pelo Ministério da Educação.

Por outro lado, o percentual de reprovação no Ensino Médio, ofertado pela rede estadual de ensino, vem caindo ano após ano. Em 2014, a taxa era de 12,1% caiu para 7,6%, em 2017. Em 2019 atingiu o menor índice da série histórica, desde 2007, ficando em 4,7%. E a queda registrada no período de cinco anos foi de 7,4 pontos percentuais.

A taxa de aprovação escolar, juntamente com as notas de proficiência em Língua Portuguesa e Matemática (obtidas na Prova Brasil), compõe o cálculo do IDEB, principal indicador da qualidade da educação básica no Brasil.

“Sabemos que precisamos avançar muito mais. E estamos trabalhando para que esses avanços aconteçam a cada dia. Mas não podemos deixar de celebrar o que já conseguimos avançar. Os dados revelam o compromisso do governador Flávio Dino com a educação de qualidade para todos os maranhenses. Esses indicadores demonstram que a política educacional séria e estruturante, implementada pelo governador desde o primeiro ano de gestão, impactará na educação de muitas gerações”, destacou o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.



Tags: Maranhão IDEB MA