NOTÍCIAS

Matrículas 12:07, 18 fev 2021 Mesmo com a pandemia, escola piauiense amplia número de matrículas

Foto:

O CETI Pedro Mendes Pessoa é um bom exemplo de como as escolas da rede estadual do Piauí têm conseguido se reinventar.

O Centro Estadual de Tempo Integral (CETI) Pedro Mendes Pessoa, 18ª GRE, é um bom exemplo de como as escolas da rede estadual do Piauí têm conseguido se reinventar, mesmo em um contexto tão adverso provocado pela pandemia de Covid-19. A escola, que tem cerca de 90% de seus estudantes residindo na zona urbana de Beneditinos, trabalhou com os regimes remoto e híbrido em 2020 e viu a procura por matrícula aumentar em 2021. 

Uma gama de ferramentas tecnológicas a serviço da educação, como Canal Educação, Centro Piauiense de Mídias, Google Classroom, Google Meet, iSeduc, Whatsapp, impressão de material e principalmente a criatividade de professores e alunos têm feito a diferença no início do ano letivo de 2021, fazendo com que o estudante retorne à ala de aula e dê continuidade a seus estudos.

Um desses exemplos de criatividade é o professor de Artes da escola beneditinense, Antônio Filho. Em suas aulas, o professor produziu com seus estudantes um vídeo expositivo das atividades artísticas desenvolvidas por cada um em suas casas.

"Estamos trabalhando o conteúdo de Artes Visuais e Artes Gráficas, então pedi aos estudantes do 2º ano do Ensino Médio que enviassem fotos das produções artísticas que fizeram e a devolutiva foi muito proveitosa, servindo para embasar todo o debate sobre o assunto. O projeto deu certo, os alunos se envolveram bastante, pois foi feito com amor e carinho", revela o professor.

O aluno José Ricardo Júnior reconhece que as aulas remotas apresentam maior dificuldade na aprendizagem em comparação com as presenciais, mas que com o esforço de alunos e professores estão conseguindo evoluir nos estudos. "O projeto do professor Antônio Filho é uma das iniciativas que promovem a interação entre alunos e professores. Com atitudes criativas estamos conseguindo aprender", diz.

A diretora Rosimar Sousa destaca que, embora todos os problemas trazidos pela pandemia, a educação não parou, venceu seus obstáculos e não perdeu alunos. Pelo contrário, a procura por matrícula aumentou. Agora a estratégia veio se consolidar com a entrega dos chips do Programa Piauí Mais Conectividade.

"Foi, de fato, um desafio para toda comunidade escolar, mas procuramos engajar, vencemos e concluímos nosso ano letivo de 2020. Desde o dia primeiro de fevereiro iniciamos o ano letivo de 2021 e estamos com nossas aulas remotas a todo vapor. Abraçamos esse desafio e está dando certo. Temos a oportunidade de diariamente ouvir nossos alunos e sentir suas necessidades sem perder de vista. E ainda o Programa Piauí Mais Conectividade deu ao aluno mais acesso e à escola mais segurança de que estamos fazendo o possível para nossos alunos. Cremos que eles já se adequaram a essa nova realidade", conclui a diretora.

O CETI Pedro Mendes Pessoa tinha 181 alunos em 2020 e, até o momento, já conta com 220 matrículas para o ano de 2021.


Tags: PI Piaui Matrículas