NOTÍCIAS

maranhao seduc 10:10, 10 fev 2021 Pacto pela Aprendizagem: Primeiro dia de webinários reúne mais de 8 mil profissionais da Educação

2° fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas será em 15 de setembro 2° fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas será em 15 de setembro
Foto: Divulgação

Mais 8 mil pessoas, entre dirigentes municipais de Educação, equipes técnicas das secretarias municipais de Educação, coordenadores pedagógicos e professores da Educação Infantil e Ensino Fundamental participaram, nesta terça-feira (09), do primeiro dia do Ciclo de Webinários do Pacto pelo Fortalecimento da Aprendizagem 2021, promovido pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e instituições parceiras.

Com foco no fortalecimento do Regime de Colaboração com os municípios, os webinários serão realizados até quinta-feira (11), pelo canal da Seduc no YouTube, discutindo temas como: a retomada das atividades educacionais pelos municípios no contexto da pandemia; as implicações do Continuum Curricular na organização do trabalho pedagógico no ano de 2021, e a prática do ensino não presencial na Educação Infantil e Ensino Fundamental.

Nesta terça, o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, deu boas-vindas aos participantes em nome do governador Flávio Dino e ressaltou a importância da discussão sobre a retomadas das aulas diante do cenário de pandemia, as rotinas pedagógicas dos professores e a promoção da aprendizagem.

“Serão momentos significativos de aprendizados e troca de saberes e experiências. Que este ano letivo seja pautado especialmente na esperança, na superação dos desafios, na busca ativa dos estudantes e na promoção da aprendizagem e alfabetização de todos os meninos e meninas do nosso querido Maranhão. Sigamos firmes por um Maranhão com mais aprendizagem e mais Escola Digna para todos”, enfatizou Camarão.

Um dos pontos altos do primeiro dia de webinários foi a participação do consultor de Educação e Proteção à Criança, do Unicef no Brasil, Ângelo Damas, que ressaltou a Busca Ativa Escolar (BAE), como estratégia planejada e criada pelo UNICEF, que apoia os municípios na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão.

“O Governo do Maranhão já desenvolve as ações de Busca Ativa Escolar, em parceria com as secretarias municipais, por meio do Pacto pelo Fortalecimento da Aprendizagem, o que contribuiu para que, até 2020, cerca de 8 mil crianças e adolescentes maranhenses, que estavam fora da escola, voltassem a frequentar o ambiente escolar”, apontou Damas.

Lourdes Atié, diretora da “Ideias Futuras”, reforçou a necessidade de um processo colaborativo, com consciência de que educação não é um problema da escola ou da Secretaria, mas de todo o município. “Não há possibilidade de mudar esse país se não for pela educação. E a principal, que temos, é a educação municipal, que deve ser responsabilidade de todos da cidade. Precisamos construir cidades seguras, que cuidam de suas crianças e que as mantém na escola”, ponderou.

Avaliação

No primeiro dia de webinários, os profissionais da educação avaliaram positivamente o debate. “Adoro participar desses webinários. É de uma riqueza extraordinária, sem falar na renovação do aprendizado”, revelou Maria do Carmo.

“Mais do que nunca a escola e a comunidade precisam estar lado a lado para garantir o direito à aprendizagem das nossas crianças”, realçou Francilene Marinho, do município de Arari.

“Tarde importantíssima, com ótimas palestras”, resumiu o professor Azenath Leandro.

Fonte: Seduc
Texto: Raphael Garreto
09/02/2021


Tags: MA Regime de Colaboração com os Municípios SEDUC MA maranhao seduc