NOTÍCIAS

Lei Maria da Penha 09:44, 21 ago 2017 Piauí: Projeto Lei Maria da Penha nas Escolas ganha prêmio nacional

projeto "Lei Maria da Penha nas Escolas
Foto: Ascom Seduc/PI

O projeto é realizado pela Secretaria de Estado da Educação do Piauí (Seduc) em parceria com Ministério Público Estadual (MPE)

O projeto "Lei Maria da Penha nas Escolas: Desconstruindo a violência, construindo o diálogo", realizado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) em parceria com Ministério Público Estadual (MPE) foi vencedor do 5° Prêmio de Educação em Direitos Humanos, na categoria B - organizações da sociedade civil e de educação não formal. 

“Lei Maria da Penha nas Escolas” teve inicio em 2015 e já beneficiou mais de 15 mil alunos, do ensino médio, da rede estadual. Através de palestras para professores, alunos e comunidade escolar, o projeto tem como objetivo diminuir os elevados índices de violência contra a mulher por meio da educação.

Para Secretária de Estado da Educação, Rejane Dias, é muito importante que a violência contra a mulher seja combatida desde cedo através de projetos preventivos como Lei Maria da Penha nas Escolas. “Sempre colhemos bons frutos desse projeto. Um exemplo disse é que em 2015, quando o tema da redação foi violência contra mulher, uma de nossas alunas, que participou do projeto, conseguiu obter mais de 900 pontos na redação e foi aprovada na Universidade Federal do Piauí. Então, é com muita alegria que recebemos a noticia dessa premiação”, comentou.

Dona Rejane destacou ainda  a importância de unir forças com o Ministério Público do Estado para implantar o projeto Lei Maria da Penha nas Escolas. “Esse projeto implantado nas escolas é substancial para mudar completamente a realidade desses jovens. Uma família é construída com amor, respeito e união, então vamos lutar para restabelecer esses princípios em todos os lares. É importantíssimo lembrar e agradecer o trabalho que o Ministério Público, na pessoa do promotor de Justiça Francisco de Jesus Lima, que foi um dos idealizados do projeto e que, como nós,  acredita que só através da educação podemos mudar essa cultura machista”, ressaltou.

A cerimonia de premiação do 5° Prêmio de Educação em Direitos Humanos acontece em Brasília, dia 30 de agosto. Os vencedores de todas as categorias receberão diploma e troféu, além de uma viagem para participar do Seminário Internacional de Educação em Direitos Humanos, nos dias 23 e 24 de novembro de 2017, em Bogotá, na Colômbia. 

O Prêmio é uma iniciativa da OEI – Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura, em conjunto com o Ministério da Educação e o Ministério dos Direitos Humanos, tem o patrocínio da Fundação SM e conta com apoio do Conselho Nacional de Secretários de Educação – Consed e da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – Undime para sua realização.


Tags: PI Piaui Nordeste Lei Maria da Penha