NOTÍCIAS

Destaques Enem 16:53, 20 jan 2020 Professores de tempo integral comemoram destaques na redação

Foto:

os Estudantes da rede pública do Piauí obtiveram resultados acima da média nas redações do Enem

As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foram divulgadas na última sexta-feira (17) em todo o país. Com o tema "Democratização do acesso ao cinema no Brasil", os estudantes da rede pública estadual de ensino estão sendo destaques pelos resultados acima da média obtidos nas redações.

Parte importante destes resultados se deve ao trabalho realizado pelos professores das escolas ao longo do ano com os alunos. Os resultados obtidos pelos professores dos centros de educação de tempo integral Didácio Silva e Raldir Cavalcante Bastos, com notas superiores a média de 800 pontos, são exemplos do trabalho positivo realizado pelas escolas.

No CETI Didácio Silva, a equipe de redação formada pelos professores Erick Soares, Virgínia Castro e Douglas Santiago desenvolveram uma preparação intensiva por meio do projeto "Redação Enem 2019, Rumo à nota 1000" e das revisões do Pré-Enem Seduc que resultaram em 50 estudantes com desempenho acima de 900 pontos na prova de redação.

O professor Erick Soares destaca que os resultados são extremamente positivos uma vez que apenas 2% dos alunos no país atingem 900 pontos na prova de redação.

"Apesar dos resultados serem extremamente positivos, não posso dizer que são surpreendentes, pois sempre acreditei que os alunos poderiam ter um resultado extraordinário. Temos 50 alunos acima de 900 pontos e se contarmos os alunos que conseguiram nota acima de 800 pontos esse número se aproxima de 100 alunos na escola, o que representa 2% dos alunos na média nacional que atingem este resultado", comemora.

Erick acrescenta que a parceria entre os três professores junto com a escola possibilita este resultado extraordinário.

"Para o trabalho de redação temos uma equipe, eu, Virginia e Douglas, e trabalhamos tanto as aulas do conteúdo programático quanto o projeto especifico para redação preocupados com o desenvolvimento educacional", afirmou.

O diferencial para alcançar estes resultados está no material e atividades produzidas pelos professores, como explica o professor Douglas Almeida Santiago da Silva, que está há um ano de escola.

"Ao longo do ano produzimos muitas apostilas extras para que os alunos possam ter conhecimento sociocultural e um repertório que resulte em um texto com maior qualidade. Trabalhamos com discussão do tema, técnicas de argumentação e eles produzem o texto semanalmente, recebem corrigidos e refazem. Esta prática evita falhas na construção do próximo texto", explicou.

O professor explica que os resultados dependem do apoio e autonomia dos professores para realizarem suas atividades.

"A escola é um diferencial neste resultado, pois é organizada e o professor tem autonomia, o que viabiliza o trabalho. Temos liberdade para trabalhar de acordo com cada estratégia pedagógica e trabalhando com materiais extras. Não esperávamos 50 notas acima de 900, este resultado é fruto de um trabalho em equipe", pontua Douglas Santiago.

Desde 2016 a frente das turmas de redação do CETI Raldir Cavalcante Bastos, a professora Maria de Fátima da Conceição Lopes Silva, destaca que para além dos textos foi necessário que a equipe pedagógica estivesse alinhada. O resultado deste trabalho veio com a pontuação de 17 estudantes que atingiram a média na redação superior a 900 pontos na redação.

"Ficamos muito felizes porque, além do trabalho de sala de aula, passamos a realizar atividades cronometrando o tempo dos alunos, lendo os textos motivadores e o tempo de produção. Isto é fruto do esforço que a equipe docente fez, pois é um resultado interdisciplinar com os professores de história, filosofia, sociologia e outras áreas, que trazem repertório sociocultural que o aluno deve ter para escrever o texto", ressalta Fátima Silva.

A professora aponta ainda que um importante aliado na preparação dos alunos para a redação foi o aplicativo do Pré-Enem Seduc. Disponibilizado pela Seduc, o aplicativo permite que o estudante envie as redações produzidas para correção como parte da preparação para o Enem. 

"Os estudantes também se prepararam para a prova de redação utilizando o aplicativo Pré-Enem Seduc. Eles produziram os materiais e além da correção no aplicativo eles trouxeram os textos para nós, professores, avaliarmos", disse.


Tags: PI Piaui ENEM Redação Destaques Enem