NOTÍCIAS

Incentivo à leitura 12:07, 21 ago 2020 Webconferência apresenta projeto do Governo de Goiás para incentivar leitura de clássicos da Filosofia

Webconferência apresenta projeto do Governo de Goiás para incentivar leitura de clássicos da Filosofia

Encontro contou com a participação do professor Clóvis de Barros Filho, autor de projeto de incentivo à leitura de clássicos da Filosofia

Professores de Língua Portuguesa e coordenadores regionais de Educação de todo o estado participaram de uma webconferência com o professor Clóvis de Barros Filho. Promovida pela Secretaria de Estado da Educação de Goiás (Seduc), por meio da Superintendência de Ensino Médio e do Centro de Estudos, Pesquisa e Formação dos Profissionais da Educação, a ação busca implantar um projeto de incentivo à leitura nas escolas de rede pública estadual de ensino. Criado pelo professor Clóvis de Barros Filho, o projeto consiste em promover a leitura e a interpretação de livros clássicos da Filosofia por meio de vídeos.

Voltado os estudantes do Ensino Médio, a ação extracurricular propõe o acesso diário a vídeos curtos, gravados pelo professor, e que apresentam trechos de obras clássicas dos pensamentos antigo, moderno e contemporâneo. “São obras do pensamento humano que ninguém lê ou que são citadas nos cursos, mas cujo acesso ao texto é raro”, ressalta Clóvis de Barros Filho.

Segundo ele, a intenção do projeto é promover o acesso a essas obras através de uma ferramenta já presente no cotidiano dos jovens: os vídeos. Por meio deles, o professor acredita ser possível estabelecer o hábito da leitura e fazer com que os alunos entendam a relação dos clássicos com a atualidade.

O objetivo é que o projeto tenha a duração de 3 anos, com um total de 36 obras clássicas lidas. Para a primeira etapa, que reúne livros do pensamento antigo, foram selecionadas obras como a Odisseia, de Homero; O Banquete, de Platão; Carta a Meneceu, de Epicuro; e Cidade de Deus, de Agostinho de Hipona.

Ao final de cada livro, os integrantes do projeto participariam de uma live-debate com o professor Clóvis de Barros Filho e realizariam uma avaliação especial, referente ao conteúdo da obra estudada. A iniciativa foi parabenizada pela secretária de Estado da Educação, Fátima Gavioli, que agradeceu o professor por incentivar o desenvolvimento de uma habilidade tão importante quanto a leitura.

InterdisciplinaridadePara a professora Aparecida Penha, da Coordenação Regional de Educação de Rubiataba, o projeto promove um resgate do estimulo à leitura. Segundo ela, apesar de reunir obras clássicas da Filosofia, o programa abre caminho para interdisciplinaridade e permite que os professores de Língua Portuguesa “caminhem por outras linhas”.

A ideia, segundo Clóvis de Barros Filho, é justamente permitir essa transdisciplinaridade na abordagem das obras em sala de aula. De acordo com ele, ao final do projeto, os vídeos do projeto formarão uma videoteca e poderão ser usados como ferramenta de apoio e suporte pedagógico para os professores. 

Antes de ser incorporado às escolas da rede estadual, no entanto, as equipes da Seduc devem definir a melhor forma de implantação do projeto junto ao currículo do Ensino Médio. A ideia é que os vídeos sejam incorporados no ano letivo de 2021, com a possibilidade de bolsa para os estudantes participantes.

Parceria

O projeto foi viabilizado entre uma parceria que envolve a Secretaria-Geral da Governadoria e a Secretaria de Estado da Educação. O secretário da Governadoria, Adriano Rocha Lima, apresentou à secretária da Educação, Fátima Gavioli, a possibilidade de incentivar a leitura na rede estadual utilizando esse trabalho do professor Clóvis de Barros Filho.

.

Tags: GO Fátima Gavioli Incentivo à leitura Educação de Qualidade Governo de Goiás Ronaldo Caiado