Amazonas sedia reunião de secretários estaduais de educação do Norte


O encontro da Regional Norte do Conselho Nacional de Secretários de Estado de Educação (Consed) teve como principais pautas o desenvolvimento da educação escolar indígena, os critérios para a definição do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) e o impacto da Lei do Piso.


Recepcionando os demais dirigentes educacionais, o secretário de educação do Amazonas, Gedeão Timóteo Amorim, frisou que as reuniões regionais sugeridas pelo Consed são eficazes para o debate de idéias e, sobretudo, para a elaboração de propostas que resultem no aprimoramento da gestão pública educacional. “A região norte possui suas especificidades e nós, dirigentes educacionais, pleiteamos junto ao MEC uma atenção diferenciada, que leve em consideração o seu perfil geopolítico”, disse.


Como exemplo dos desafios a serem superados por conta da complexidade geopolítica e das dimensões territoriais da região, Gedeão destacou, dentre outros itens, a problemática da logística de atendimento às escolas e também o financiamento do transporte escolar. “É sabido que os materiais didáticos e os insumos só chegam a muitos municípios amazônicos por meio de barcos, após semanas de viagem. O mesmo problema é notado no transporte
diário de estudantes que, no Amazonas, é realizado quase que integralmente via fluvial”, esclareceu. Para ele, é impensável que os recursos federais sejam repassados igualitariamente aos estados, sem levar em conta que alguns necessitam de uma atenção maior.


O secretário de Educação do Amazonas destacou que o MEC tem atendido às solicitações do Consed e que vê com expectativa os encaminhamentos da reunião em Manaus. “Nossa busca é por um entendimento e uma ação definitiva em termos de regulamentação federal que considere esses diferenciais regionais. Levaremos nossas propostas e sugestões ao conselho pleno do Consed e ao MEC, com o qual mantemos um alto nível de cooperação”,
afirmou Amorim.


O vice-presidente do Consed e secretário de educação do Tocantins, Danilo de Melo Souza, referendou que as propostas debatidas serão levadas ao governo federal. “Após o encontro, vamos nos reunir com a diretoria do Consed e, posteriormente, teremos uma audiência com o ministro Aloizio Mercadante, na qual serão pontuadas cada uma das questões aqui elencadas, dentre elas, o transporte e a alimentação escolar, o ensino escolar indígena e a problemática de professores em regiões isoladas”, apontou.


Também participaram da reunião os secretários de educação do Acre, Daniel Queiroz Sant´Ana; de Roraima, Lenir Rodrigues Moura; e a secretária executiva do Consed, Nilce Costa.


Em paralelo, aconteceram reuniões dos assessores de comunicação e de técnicos em recursos humanos das secretarias de educação dos respectivos estados.


Ao final do encontro, os secretários e suas equipes realizaram uma visita técnica ao Centro de Educação de Tempo Integral/Ceti Gilberto Mestrinho (localizado no bairro do Educandos), para conhecer a estrutura e os projetos da instituição, considerada um dos dez centros de excelência em educação inaugurados pelo Governo do Amazonas.



Ascom/Seduc/AM

Acompanhe no facebook

Copyright © 2014. Consed - Conselho Nacional de Secretários de Educação. Desenvolvido por ConsisTI