Comunicação

Filtro
  • Inscrição para Biblioteca da Escola começa em 10 de janeiro

    O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), responsável pelos programas federais de livros didáticos e paradidáticos, divulgou hoje edital convocando editoras para o processo de inscrição e avaliação de obras de literatura destinadas às escolas públicas que ofereçam anos iniciais do ensino fundamental, educação infantil e educação de jovens e adultos.

    A etapa de cadastramento de editores e pré-inscrição das obras começa em 10 de janeiro de 2011 e prossegue até às 18h do dia 23 de janeiro. A inscrição e entrega das obras e da documentação vai de 31 de janeiro a 4 de fevereiro de 2011, das 8h30 às 16h30.

    As obras serão divididas em quatro categorias e cada obra poderá ser pré-inscrita em apenas uma delas. As categorias são:

    • Categoria 1: para as instituições de educação infantil – etapa creche;
    • Categoria 2: para as instituições de educação infantil – etapa pré-escola;
    • Categoria 3: para escolas que atendem alunos dos anos iniciais do ensino fundamental; e
    • Categoria 4: para escolas que atendem alunos da educação de jovens e adultos, nas etapas do ensino fundamental e médio.

    Segundo o diretor de ações educacional do FNDE, Rafael Torino, “só serão aceitos livros que não tenham sido adquiridos em edições anteriores do Programa Nacional Biblioteca da Escola, ainda que os direitos autorais pertençam a outro editor ou que o projeto gráfico-editorial seja diferenciado

  • Censo Escolar registra 51,5 milhões de estudantes matriculados em 2010

    As matrículas na educação profissional cresceram 74,9% entre 2002 e 2010, segundo dados oficiais do Censo Escolar. Em 2010, o país tem 1,1 milhão de jovens na educação profissional, enquanto em 2002 eles somavam 652.073.

    No mesmo período, a rede federal de educação profissional passou de 77.190 alunos para 165.355, o que representa crescimento de 114%. A trajetória de expansão da educação profissional também pode ser vista entre 2007 e 2010. Em 2007, as matrículas eram 780.162. Ao alcançar 1.140.388 neste ano, o crescimento é de 46% no intervalo.

    O Censo Escolar 2010 aponta que o Brasil tem 51,5 milhões de estudantes matriculados na educação básica pública e privada – creche, pré-escola, ensino fundamental e médio, educação profissional, especial e de jovens e adultos. Dos 51,5 milhões, 43,9 milhões estudam nas redes públicas (85,4%) e 7,5 milhões em escolas particulares (14,6%).

    Atendem estudantes da educação básica 194.939 estabelecimentos de ensino. Em 2009, o censo registrou 52,5 milhões de alunos na educação básica.

    Na avaliação do presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Joaquim Neto, a queda de cerca de um milhão de matrículas da educação básica pública em 2010, comparada a 2009, tem duas explicações: a melhora do fluxo escolar com redução de crianças repetindo a série combinada com o aumento do rigor técnico do Inep na coleta de informações do censo. “Fazemos checagem de dados para evitar matrículas duplas

  • Anunciados os vencedores da 3ª edição do Prêmio Cultura Viva

    Representantes de iniciativas culturais de diversos cantos do País reuniram-se na tarde do dia 15 de dezembro no histórico Palácio Gustavo Capanema, na capital carioca, para receber o 3º Prêmio Cultura Viva. Nessa edição, foram selecionadas ações que articulam cultura e comunicação no campo das artes e do patrimônio cultural.

    A cerimônia, comandada pelo grupo Nós do Morro, foi marcada por um clima descontraído e informal e pela emoção dos premiados. Intervenções teatrais, apresentações de dança e música intercalaram a entrega dos prêmios.

    Premiados
    A revista Tu Visse?!, produzida pela Fundação Municipal de Cultura de Bombinhas (SC), foi a grande vencedora na categoria Gestor Público. A publicação, que já se encontra na 15ª edição, procura registrar os costumes e tradições de Bombinhas e região. Segundo Patrícia Pires da Silva, representante da Fundação, o prêmio deve ser investido no incremento da tiragem da revista. “Também pretendemos oferecer oficinas para jovens para que eles próprios produzam o site da revista. Queremos criar uma versão online para dialogar mais com os jovens e fomentar o debate em cima do patrimônio imaterial da comunidade

  • Consed participa de reunião do GTP do Transporte Escolar



    Durante a reunião foi apresentado o novo modelo de veículo de transporte escolar rural do programa Caminho da Escola. A novidade do veículo fica por conta da tração 4x4 e capacidade para 23 alunos. Outra pauta da reunião foi a apresentação dos resultados das avaliações da Lancha Escolar e da Bicicleta Escolar. Na oportunidade, o pesquisador Willer Carvalho apresentou avaliações satisfatórias tanto da lancha quanto da bicicleta escolar.

  • Metas para 2011-2020 apontam investimento na qualidade e no professor

    O governo federal encaminhará na quarta-feira, 15, ao Congresso Nacional o Plano Nacional de Educação (PNE). O novo documento sintetiza 20 metas e aponta estratégias para o avanço da educação brasileira no decênio 2011-2020. Em entrevista ao programa de rádio Café com o Presidente, nesta segunda-feira, 13, o presidente da República, Luís Inácio Lula da Silva, e o ministro da Educação, Fernando Haddad, ressaltaram que o PNE vai investir principalmente na qualidade da educação e na valorização dos professores.

    Atualmente, um professor com formação superior recebe 60% da remuneração de um profissional não docente com formação equivalente. A redução desse percentual é um dos principais pontos do novo PNE. “A próxima década tem de ser a do professor brasileiro para que a carreira do magistério não perca talentos para as demais profissões

  • Prêmio Cultura Viva anuncia vencedores dia 15 de dezembro

    No próximo dia 15 de dezembro, serão anunciadas oficialmente as 12 iniciativas vencedoras da 3ª edição do Prêmio Cultura Viva. A cerimônia de premiação será realizada no auditório Gilberto Freyre, localizado no Palácio Gustavo Capanema, no Rio de Janeiro, a partir das 17h.

    Na ocasião também será distribuída uma publicação que apresenta as iniciativas premiadas, finalistas e semifinalistas possibilitando visibilidade às ações desenvolvidas por essas organizações/grupos.

    O Prêmio Cultura Viva é um projeto idealizado pelo Ministério da Cultura (MinC), com patrocínio da Petrobrás e coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec) e tem como objetivo mobilizar, reconhecer e divulgar práticas culturais realizadas em todo o país.

    Esta 3ª edição do Prêmio teve como tema “Cultura e Comunicação

  • Versão em português da coleção História Geral da

    Normal 0 21 false false false PT-BR X-NONE X-NONE MicrosoftInternetExplorer4

  • Presidente do Consed participa da reunião da CONEC em Brasília

    A Presidente do Consed – Conselho Nacional de Secretários de Educação – e Secretária de Estado da Educação do Acre, Maria Corrêa da Silva, está em Brasília nesta quinta-feira, 09, para participar da VII Reunião da CONEC – Comissão Nacional de Educação do Campo. O encontro acontece na sede da Secretaria Executiva do Consed.

    A reunião, que se estende até o final da tarde desta sexta-feira, 10, tem como objetivo fazer o balanço e avaliação dos programas e projetos de educação do campo executados pela CGEC – Coordenação Geral de Educação do Campo.

    Dezenove representantes de movimentos sociais e sindicais do campo, de entidades de educação e dos Ministérios da Educação e do Desenvolvimento Social compõem a Comissão Nacional de Educação no Campo.

    A comissão é formada por membros da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Centros Familiares de Formação por Alternâncias (Ceffas), Confederação Nacional dos Trabalhadores da Agricultura (Contag), Comissão Pastoral da Terra (CPT), Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Fetraf), Movimentos dos Atingidos por Barragens (MAB), Movimento das Mulheres Campesinas (MMC), Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e Rede Educacional do Semi-

  • Prêmio Técnico Empreendedor divulga seus vencedores

    Dezessete projetos foram premiados na noite desta terça-feira, 7, em Brasília. Eles participaram do Prêmio Técnico Empreendedor 2010, iniciativa do Sebrae em parceria com os Ministérios da Educação (MEC) e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e também do Banco do Brasil.

    Os projetos foram premiados nas categorias Técnico e Tecnólogo, nos temas Livre, Inclusão Social e Cooperativismo. Os vencedores receberam certificados e troféus de reconhecimento, além de prêmios nos valores de R$ 8 mil, R$ 6 mil e R$ 4 mil para os primeiros, segundos e terceiros colocados, respectivamente. Além disso, seus professores/orientadores também receberam premiação em dinheiro, sendo R$ 3 mil (1º lugar), R$ 2 mil (2º lugar) e R$ 1mil (3º lugar).

    Prêmio
    O prêmio tem como objetivo estimular, reconhecer, premiar, divulgar e fomentar as atividades de empreendedorismo e cooperativismo desenvolvidas pelos alunos dos cursos técnicos de nível médio e superiores de tecnologia de instituições públicas de educação profissional.

    Nesta nona edição o Técnico Empreendedor recebeu 450 projetos, 50% a mais que o volume registrado em 2009.

    Vencedores da categoria Técnico

    Tema Livre
    1º lugar: Viverde - Viveiro de Mudas de Gliricidia Sepium Para Produção de Moirões Vivos e Cercas Ecológicas
    2º lugar: Geleia de Palma
    3º lugar: Ecosméticos

    Tema Inclusão Social
    1º lugar: Eyemart
    2º lugar: Reciclatec
    3º lugar: Cuca Verde

    Tema Cooperativismo
    1º lugar: SOS Construção
    2º lugar: Coopman -; Raízes de Oportunidades para a Geração de Trabalho e Renda
    3º lugar: Ecoforro

    Vencedores da categoria Tecnólogo

    Tema Livre
    1º lugar: Fruto do Sol -; Produtos Diferenciados de Umbu
    2º lugar: Uso de Vetiver na Contenção de Encostas
    3º lugar: Tecoste -; Tecnologia em Tecidos

    Tema Inclusão Social
    1º lugar: Curso Estratégico de Conscientização Ambiental e Valorização de Produtos Através do Design
    2º lugar: Ecofashion: Um Novo Conceito sobre a Moda
    3º lugar: Projeto de Educação Patrimonial -; Minha Cidade, Minha História

    Tema Cooperativismo
    1º lugar: Coopcapim
    2º lugar: Cooperativa de Produção Integrada de Morango (Coopimo)

    (Com informações da Agência Sebrae de Notícias)

  • Brasil é o terceiro que mais cresceu na década em educação básica

    O Brasil aparece entre os três países que mais evoluíram na educação básica nesta década. A informação consta do relatório preliminar do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa) 2009, divulgado nesta terça-feira, 7, pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), em Paris.

    A educação brasileira evoluiu 33 pontos entre os exames realizados no período 2000-2009. Em 2000, a média brasileira das notas em leitura, matemática e ciências era de 368 pontos. Em 2009, a média subiu para 401 pontos. Com isso, o país atingiu a meta do Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE), que era média de 395 pontos nas três disciplinas.

    Na avaliação do ministro da Educação, Fernando Haddad, diversos fatores produziram esses resultados. Ele destaca o crescimento do investimento em educação, o foco na aprendizagem das crianças, a definição de metas do

  • Olimpíada de Língua Portuguesa premia vencedores

    A 2ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa – Escrevendo o Futuro já conhece seus vencedores. Na tarde de segunda-feira, 29, foram anunciados os nomes dos 20 estudantes e 20 professores premiados nas categorias artigo, crônica, memórias e poemas. A cerimônia aconteceu no Museu Nacional da República, em Brasília, e contou com as presenças diversas autoridades dentre as quais o Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o Ministro da Educação, Fernando Haddad e a Secretária de Estado da Educação de Goiás, Milca Severino, representando o Consed.

    Premiados

    Galeria de fotos

    O evento teve a participação dos 152 estudantes finalistas da Olimpíada, juntamente com seus professores, além de diretores escolares, parceiros e apoiadores da iniciativa.

    De acordo com o presidente, é preciso que as crianças e adolescentes estudem, para que daqui a dez ou 12 anos o país deixe de exportar produtos primários como minérios e soja. “Queremos exportar conhecimentos produzidos por vocês

Copyright © 2014. Consed - Conselho Nacional de Secretários de Educação. Desenvolvido por ConsisTI