NOTÍCIAS

Dia D da BNCC 16:04, 10 mai 2019 Pernambuco: professores da Rede Estadual analisam a BNCC do Ensino Médio

Foto:

Encontro batizado de “Dia D” considerou críticas e sugestões ao documento que serve de base para a construção do Currículo de Pernambuco

Educadores da Rede Estadual participaram, nesta sexta-feira (10), do processo de análise da versão preliminar do Currículo de Pernambuco para o Ensino Médio, construída conforme a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O “Dia D”, movimento nacional que reúne professores, secretarias, escolas e gestores, debateu ainda o fortalecimento da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A reforma do Ensino Médio - Instituída através da lei 13.415/2017, da Resolução n. 3, de 21 de novembro de 2018 -  atualiza as diretrizes curriculares nacionais e as particularidades da BNCC no que se refere a esta etapa da educação básica. Em Pernambuco, o documento analisado entre os professores da Rede Estadual foi construído a partir da discussão de componentes curriculares e áreas do conhecimento.

Entre os desafios, destaca-se a ampliação da jornada do ensino médio para 3.000 horas de curso, distribuídas em até 1.800 horas para vivência de competência e habilidades previstas na BNCC do Ensino Médio, e 1.200 horas a serem vivenciadas em Itinerários Formativos (cuja proposta de currículo também será disponibilizada para apreciação e contribuição da Rede ainda em 2019). Outra tarefa desafiadora diz respeito à promoção da integração, interdisciplinaridade e contextualização entre áreas e saberes, fortemente marcada na Base.

De acordo com a gestora da Escola Estadual Paulo Cavalcanti, Patrícia Mesquita, a reforma do ensino médio e a construção do Currículo de Pernambuco vai possibilitar que o documento seja adequado à realidade do estado. “Tanto o educador quanto o estudante começam a se enxergar dentro da Base. A partir dessa identificação, o estudante vai ter empatia e daí em diante se tem a prática efetiva em sala de aula”, ressaltou.

Várias etapas estão previstas até a conclusão deste processo, como a discussão da versão 1.0 do Currículo de Pernambuco e seminários regionais. “A gente espera que o Currículo de Pernambuco esteja sintonizado tanto com o acúmulo de conhecimento, quanto com o atendimento ao estudante, sendo um documento atual e que dialogue com os anseios dos jovens em termos de aprendizagem”, destacou a secretária executiva de Desenvolvimento da Educação, Ana Selva.

A gestora ainda falou sobre as novidades do Currículo de Pernambuco que estão sendo elaboradas: “Um dos aspectos que a gente percebe que é de grande impacto na sociedade é a questão do mundo digital. Nesse sentido, a perspectiva do letramento digital é fundamental para ser trabalhado desde pequeno até o ensino médio para que o jovem seja capaz de fazer um bom uso da informação”, concluiu.


Tags: Portal Pernambuco PE BNCC Base Nacional Comum Curricular Educação PE Dia D da BNCC Educação Pernambuco